LANÇADO SMART CHALLENGE PARA IMPULSIONAR O CAMINHO DOS JESUÍTAS, PRINCIPAL CORREDOR TURÍSTICO DA AMÉRICA DO SUL
Atualidades

Teve início nesta quinta-feira (25.03) o Smart Challenge, desafio que irá acelerar a integração turística do Caminho dos Jesuítas da América do Sul e auxiliar a retomada das atividades turísticas na região. A iniciativa é promovida pelo Ministério do Turismo brasileiro, pelas autoridades de turismo de outros quatro países que integram o caminho – Argentina, Bolívia, Brasil, Paraguai e Uruguai – e pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) com apoio da Organização Mundial do Turismo (OMT)

A ideia do desafio é identificar soluções para acelerar a integração turística do Caminho dos Jesuítas da América do Sul, que se configura como principal rota turística sul-americana e uma das mais amplas do mundo. No Brasil, o roteiro é composto por 26 municípios do Rio Grande do Sul e engloba as ruínas de São Miguel das Missões, que foram declaradas em 1983 como sítios do Patrimônio Mundial Cultural pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). O projeto faz parte de um acordo com o Banco Interamericano de Desenvolvimento, que destinou US$ 500 mil para a estruturação turística do roteiro multidestino.

“Sabemos que o turismo iniciará sua recuperação pelo turismo doméstico e, também, pelo turismo regional e essa iniciativa realizada em parceria com os ministérios de países vizinhos e com o BID certamente será imprescindível para que o turismo volte a crescer e gerar emprego e renda em nosso país”, afirmou o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto.

Já o secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo, William França, destaca que este desafio é uma oportunidade ímpar para termos um case de sucesso em práticas inovadoras para integração regional deste singular produto turístico de Turismo Religioso. “Um dos diferenciais competitivos da rota é que ela se configura como um produto multidestino com legado espiritual, educacional e social dos Jesuítas e das comunidades nos países da Bacia do Prata, com potencial para a integração regional entre os 5 países que integram o Mercosul”, sinaliza o secretário.

As inscrições no Smart Challenge podem ser feitas por este LINK e estão abertas para participação de empresas que propuserem soluções inovadoras que se relacionem a 7 desafios de integração propostos: logístico/administrativos, de desenho da oferta turística, de marketing, de gestão turística, de captação de investimentos público-privados, de coordenação intersetorial e empresarial e de reativação turística pós-pandemia.

PARTICIPANTES – Os candidatos ao Smart Challenge poderão ser empresas de qualquer setor ou atividade, em fase de crescimento, legalmente constituídas em pelo menos um dos cinco países que integram o Caminho dos Jesuítas (Argentina, Bolívia, Brasil, Paraguai e Uruguai), com uma proposta inovadora para acelerar a integração da oferta turística do Caminho. Se incentivam ainda as empresas a se apresentarem com parceiros de qualquer um dos 48 países membros do BID, caso seja relevante para fortalecer a equipe ou a proposta de valor do projeto empresarial.

Os vencedores participarão do Programa de Aceleração Empresarial, realizado pela Wayra, área de inovação aberta da Telefónica, com uma duração de 12 semanas, e receberão apoio técnico especializado para fortalecer o desempenho de seus projetos, incluindo aceleração comercial, validação de planos de viabilidade, atividades de fortalecimento e coaching, identificação de oportunidades de escalabilidade, networking com empresas e investidores.

Fonte: Ministério do Turismo

Veja também!

MINISTÉRIO DO TURISMO, EMBRATUR E TRADE TRATAM DE AÇÕES DE RECUPERAÇÃO DO SETOR
MINISTÉRIO DO TURISMO OFICIALIZA ENTREGA DE R$500 MILHÕES DO FUNGETUR PARA REGIÃO NORDESTE

Veja também!

Menu