GOVERNO FEDERAL, POR MEIO DO MTUR, REVITALIZARÁ MEMORIAL DAS BAIANAS, EM SALVADOR.
Atualidades

A população e os turistas que forem a Salvador (BA) terão em breve um novo e revitalizado Memorial das Baianas de Acarajé. Com um investimento de mais de R$ 384 mil do Ministério do Turismo, o local passará por melhorias que valorizarão sua estrutura, resgatarão a função do espaço para a exposição permanente da história das quituteiras e darão mais conforto a quem visitar o espaço. A expectativa da Prefeitura Municipal de Salvador é de que a obra, iniciada em agosto, seja concluída até novembro deste ano.

Para o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, os investimentos que estão sendo realizados pela Pasta irão aprimorar a experiência dos turistas em nossos atrativos. “Um espaço como este, que conta a história e a cultura de um povo, precisa desse recurso e de investimentos que preservem e que deem conforto aos nossos turistas. Como temos observado, é cada vez maior a busca por turismo de experiência, e essa será imperdível, tenho certeza disso”, declarou.

Entre as benfeitorias a serem realizadas, estão a substituição de toldo, execução de paisagismo, troca das instalações elétricas e hidráulicas, iluminação cênica, serviço de drenagem pluvial e instalações de combate a incêndio e segurança. De acordo com a prefeitura, o objetivo da obra é proporcionar conhecimento e informações de interesse geral da população e dos turistas, além de estimular a geração de emprego, renda e o empreendedorismo. Com a revitalização, será criado um espaço para a comercialização de adornos, roupas e lembranças ligados ao ofício das baianas.

O prefeito de Salvador, Bruno Reis, destacou a importância da obra para a cultura e o turismo do destino. “A cidade tem uma história marcada pela influência e tradição da cultura afro. Sem dúvidas, as baianas de acarajé são um dos principais símbolos. Este memorial será visitado não apenas por nós, soteropolitanos, mas também por milhares de turistas que vierem a Salvador”, concluiu.

Localizado na Praça da Sé, ao lado do Monumento da Cruz Caída, o Memorial das Baianas de Acarajé faz parte de um tradicional conjunto de atrativos, que inclui o Museu da Misericórdia, o Elevador Lacerda, a Casa do Carnaval da Bahia e a Catedral Basílica, entre outros pontos turísticos. Inaugurado em 2009, o espaço tem a missão de difundir conhecimentos associados ao ofício das baianas, reconhecido, em 2015, como Patrimônio Cultural Brasileiro pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

FONTE: MINISTÉRIO DO TURISMO.

Veja também!

SECRETARIA NACIONAL DE ATRAÇÃO DE INVESTIMENTOS, PARCERIAS E CONCESSÕES TEM NOVA TITULAR .
TURISMO DE SAÚDE E BEM-ESTAR DEVE IMPULSIONAR RETOMADA DO SETOR.

Veja também!

Menu