FESTA DE RÉVEILLON DE COPACABANA É SUSPENSA PELA PREFEITURA DEVIDO À PANDEMIA DA COVID-19
Atualidades
COPACABANA – RIO DE JANEIRO

Se a pandemia do novo coronavírus mudou a rotina do mundo, agora, impacta diretamente numa das festas mais tradicionais do Rio de Janeiro: o réveillon na Praia de Copacabana. A prefeitura comunicou neste sábado que a comemoração, no modelo em que o público está acostumado a celebrar, não será possível para celebrar a chegada de 2021. O comunicado do município ressalta que é possível festejar para além da reunião de 3 milhões de pessoas na Praia de Copacabana, cartão postal de importância para a data. A ideia, a ser debatida nos próximos dias, é que sejam apresentadas alternativas, que envolveriam até um formato virtual da festa, com transmissão por TV e plataforma digitais.

Mesmo num novo formato, a parceria com a iniciativa privada seria necessária para a realização do espetáculo, segundo a Riotur informou em nota. A organização, de acordo com a pasta, ainda é possível de ser feita pois os preparativos e estudos têm sempre início em agosto. Sendo assim, estaria dentro do cronograma esperado.

Na semana passada, no dia 17, a prefeitura de São Paulo anunciou o cancelamento de sua também tradicional celebração da virada de ano na Avenida Paulista. A mudança no calendário também foi motivada pela pandemia da Covid-19.

Na última festa de réveillon carioca, as areias de Copacabana ficaram tomadas por mais de 3 milhões de pessoas. A tradicional queima de fogo, com programação de shows durante toda a noite do dia 31 de dezembro, é um dos principais cartões postais do Brasil para a data, sendo a maior festa do país.

O Globo

Veja também!

FRANÇA PASSA A EXIGIR TESTE DE COVID-19 PARA VIAJANTES VINDOS DO BRASIL
EMBARQUE DE PASSAGEIROS NOS AEROPORTOS BRASILEIROS SERÁ FEITO POR ‘SELFIE’

Veja também!

Menu