DISNEY: DIVISÃO DE PARQUES REGISTRA LUCRO PELA 1ª VEZ DESDE INÍCIO DA PANDEMIA.
Atualidades

A Disney anunciou que sua divisão de parques, experiências e produtos registrou lucro no terceiro trimestre do ano fiscal, encerrado em junho. Está é a primeira vez que a área registra lucro desde o início das restrições decorrentes da pandemia de Covid-19, em março do ano passado.

Durante a teleconferência de apresentação dos resultados, o CEO da Disney, Bob Chapek, afirmou que a empresa continua otimista para o futuro, já que o número de reservas atuais já está acima dos níveis de comparecimento do terceiro trimestre. O otimismo esbarra nas incertezas sobre os impactos da variante Delta. O número crescente de casos COVID-19 causou alguns cancelamentos de grupos e convenções.

RESULTADOS DO TRIMESTRE

A receita da divisão no período foi de US$ 4,3 bilhões, o que representa um crescimento de 307,6% em relação ao US$ 1,06 bilhão no mesmo período em 2020. O valor também representa 25,5% dos US$ 17,02 bilhões de receita da companhia no trimestre, o que reforça a importância estratégica da da divisão de parques, experiências e produtos.

Os parques e resorts dos EUA registram um lucro de US$ 2 milhões. Já os parques do exterior apresentaram um prejuízo de US$ 210 milhões.

O Walt Disney World Resort em Orlando e o Shanghai Disney Resort estiveram abertos durante todo o terceiro trimestre, enquanto a Disneyland na Califórnia esteve aberta 65 dias durante o trimestre e a Disneyland Paris esteve aberta durante 19 dias.

FONTE: Mercado e Eventos.

Veja também!

BAÍA FORMOSA: 10 PASSEIOS NA TERRA DE ÍTALO FERREIRA NO RN
NOVA EDIÇÃO DO CURSO DE ATENDIMENTO AO TURISTA JÁ CONTA COM MAIS DE 7 MIL INSCRITOS.

Veja também!

Menu